PROPRIEDADE INTELECTUAL

Fotografias, videos e informações diversas, motivado pelo desejo de mostrar ao mundo a cultura, a inteligência, os sonhos e as realizações de um povo pacato.

«É livre a expressão da actividade intelectual, artística, política, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença» Ponto 1. Artigo 42.º da Constituição da República de Angola.

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

MENTES BRILHANTES PRECISAM-SE

Em 2009, os trabalhadores estudantes dos órgãos do Ministério do Interior no Kwanza Norte, tiveram bastante motivo para sorrir. O titular da pasta, Subcomissário Manuel João Cale "Welema", orientou os directores e chefes dos órgãos de sua subordinação, para que dispensassem todos os efectivos estudantes durante os exames finais do ano lectivo 2009/2010.

A medida, segundo o delegado do interior, visou dar oportunidade para revisão da matéria e concentração dos discentes durante os exames do fim de ano, numa perspectiva de ajudar a melhorar o grau de aproveitamento académico dos seus funcionários.

O estado de opinião e comentário dos beneficiários e inclusive de elementos não ligados aos órgaos de polícia, bombeiros, serviços prisionais e de migração, foi satisfatório, esperando-se agora que o desfecho do ano lectivo em referência, ofereça resultados que se coadunam com os anseios do mais alto responsável da corporação no Kwanza Norte.

Recorde-se que o Subcomissário Welema, quadro do Ministério do Interior, oriundo da então Segurança do Estado, onde exerceu cargos de relevância, considerado como exímio professor na esteira de inteligência e contra-inteligência, licenciou-se em Psicologia pela Universidade Agostinho Neto, com núcleo no Kuito, a capital do Bié.

Quiçá, para além do seu sentido humanista, parte da sábia gestão dos assuntos relacionados com os desafios profissionais que cruzam os seus caminhos, estará intrinsecamente ligada a sua formação académica e não só.

Quanto a mim, desejo boa sorte aos estudantes do MININT no Kwanza Norte e óptimas expectativas para o próximo ano.